O bem estar da tia

Não, eu não sofri uma lavagem cerebral recentemente e eu continuo não sendo a maior fã do ecossistema praia, mas eu aproveitei o finzinho das minhas férias para passar uns dias na Ilha Grande à base de sombra, água fresca e caminhadas cruéis.

Durante uma das trilhas que consistia em subir e descer um morro para chegar na praia mais famosa da região, minha mamãe me surpreendeu mantendo um ritmo constante e sem dar piripaque nenhum, mas nós passamos por um grupo de uma mãe um pouco mais velha que a minha, acompanhada pelos filhos e sobrinhos, que passou o tempo todo falando:

_ Vai mais devagar, gente! Assim eu não posso acompanhar! O moço do “Bem Estar” (aquele programa matinal da Globo) disse que tem que fazer uma conta com a idade da gente para saber o número máximo de batimentos cardíacos que a gente pode atingir e eu já estou no limite!

E um dos sobrinhos sabiamente respondeu:

_ E você acredita no cara do “Bem Estar”, tia? Ele é gordo! Que moral ele tem? E ainda fica mandando os outros emagrecerem!

Fernando Rocha, o apresentador gordinho sem moral em questão

Vai, gente, ele nem é tão gordinho assim. O que eu não consegui entender, nem ninguém que estava ali por perto naquele momento, é como a tia realizou a façanha de assistir ao “Bem Estar”! Acho que ela deve ser a única pessoa impedindo que o programa marque um traço de Ibope.

1 comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s